4 Passos Para Criar um Orçamento Familiar de Forma Simples

21 de maio de 2020

Organizar um planejamento financeiro é essencial para delimitar os gastos e definir metas para o futuro. Também, é essencial para evitar o endividamento, uma realidade que assombra muitos brasileiros. Pode ser que você ache complicado estabelecer um orçamento, mas acredite, ele é mais simples do que parece.

Com a adoção de alguns passos e muita disciplina, é possível organizar as suas finanças, tirar sonhos do papel e ainda investir. Confira abaixo como criar um orçamento familiar.

SAIBA QUAIS SÃO AS DESPESAS E A RENTABILIDADE

O primeiro passo para organizar a sua vida financeira é reunir as entradas e as saídas. Faça uma lista de todos os custos mensais que você possui: despesas fixas (aluguel, luz, água), despesas variáveis (imprevistos, passeios, etc); também reúna todas as receitas: fixas (salário, aposentadoria) e variáveis (freelancers, comissão, etc).

Dessa forma, você terá um panorama de quanto dinheiro está ganhando e quanto está sendo gasto. Você também pode contar com a ajuda da tecnologia para te ajudar a organizar as finanças, aplicativos com o Guia de Bolso, por exemplo, são ótimos para te auxiliar nessa tarefa.

Casal fazendo orçamento familiar

Veja também: Margem de Lucro Ideal: Entenda o Que é e Como Calcular!

DEFINA O QUE PODE SER CORTADO E SUBSTITUA GASTOS

Observe quais são as suas despesas variáveis e veja o que você pode cortar. Os custos fixos são muito difíceis de reduzir, já gastos que não são essenciais podem ser cortados.

Outra dica para que a transição seja feita aos poucos, é substituir gastos. Nesse caso, você pode procurar opções mais em conta, ir em lugares mais baratos, diminuir o tempo dos passeios. Dessa forma, você consegue economizar e ainda sim, ter momentos prazerosos com a família.

QUAIS SÃO SUAS METAS?

Você sabe quais são os seus objetivos ao economizar? Você quer pagar as dívidas? Trocar de carro? Tirar férias? As metas devem estar bem claras, ou então o dinheiro economizado poderá não ser bem aplicado.

Defina com a sua família os objetivos de cada um, assim todos se sentirão motivados para fazer economias e serão recompensados quando atingirem o que foi estipulado.

Tenha estabelecido quais são os seus objetivos a curto prazo (até 1 ano), médio prazo (1 a 10 anos) e longo prazo (acima de 10 anos), pois isso ajudará a definir o quanto vocês poderão gastar e quanto deve ser economizado.

INVISTA

Realizar investimentos é a melhor forma de fazer com que o dinheiro economizado seja rentável. Para isso, você não precisa ser nenhum mestre em finanças, basta um pouco de pesquisa e organização.

No mercado, existem vários tipos de investimento para diversos objetivos, um dos melhores é a aplicação no Tesouro Selic, ele rende diariamente e você pode tirar o dinheiro quando quiser.

Você pode começar investindo uma pequena quantia, à medida que adquirir mais segurança, pode aumentar o valor da aplicação. Aqui você encontra mais informações sobre esse tipo de investimento.

Fazer um orçamento familiar ficou bem mais simples agora, não é mesmo? Se você gostou do post compartilhe com os seus amigos e acompanhe o Instagram e Facebook da Play Park para não perder nenhuma novidade. :)

Imagem: Freepik