Guia prático para quem está começando no ramo de brinquedos infláveis

21 de janeiro de 2021

Empreender no ramo de brinquedos infláveis é uma ótima forma de incrementar os serviços e fazer parte de uma área que cresce cada vez mais. Mesmo durante a pandemia, em que as festas e eventos foram suspensos, o mercado buscou uma forma de se reinventar e oferecer diversão para as crianças no isolamento.

As brincadeiras dentro de casa ajudaram a impulsionar o setor de locação e 2021 promete ser um ano de muitas novidades na área. Se você está pensando em começar a empreender ou já tem uma empresa de locação aberta mas precisa de ajuda para dar os primeiros passos, esse texto é para você.

Continue a leitura para saber mais!

DECIDI ABRIR UMA EMPRESA DE BRINQUEDOS INFLÁVEIS, E AGORA?


Antes de começar a oferecer o seu serviço e prospectar clientes, é preciso seguir alguns passos para estruturar o seu negócio. Listamos os principais abaixo:

Monte a sua equipe

Você precisará de uma equipe para fazer os serviços junto com você. No início não precisam ser muitas pessoas, mas lembre-se que na locação dos brinquedos ter um monitor é bastante importante. Esse cuidado evita acidentes e agrega mais valor ao seu serviço.

Escolha os brinquedos

Existem diversos tipos de brinquedos para fazer locação e escolher com quais você irá trabalhar não é tarefa simples. Porém, algumas opções são verdadeiras coringas, como o Combo 3 em 1, por exemplo, que está sempre em alta nos aluguéis de festa.

Faça uma precificação

É preciso definir o valor de cada aluguél, para fazer essa conta é necessário levar em consideração o valor que foi investido no brinquedo, o quanto você gastará para fazer o deslocamento até o evento e o valor que será pago ao monitor.

Além disso, também é importante fazer uma pesquisa dos concorrentes e verificar quais são os preços cobrados na sua região. Todas essas informações serão úteis para você chegar ao valor ideal. Também tenha em mente quem é o são as pessoas que você irá atender, com a definição do seu público-alvo ficará muito mais simples chegar ao valor final dos serviços.

Divulgue os seus serviços

Depois de passar por todas essas etapas, chegou a hora de mostrar ao público aquilo que você oferece. Para isso, utilize as mídias sociais e explore todos os recursos que cada uma tem para oferecer. Fotos e vídeos dos eventos, depoimentos de clientes, e muitas outras estratégias são boas formas de promover o seu negócio.

Você pode utilizar ferramentas gratuitas e simples para edição de fotos e vídeos e futuramente contratar um serviço especializado. O mais importante é dar o primeiro passo e definir quais são os objetivos da sua empresa, o que você oferece de diferente dos concorrentes e a forma com que se posiciona no mercado.

Dica extra

Se você ainda têm dúvidas se deve ou não apostar nesse nicho de mercado, nós incentivamos que comece a estudar sobre o tema, conheça as particularidades do negócio, faça cursos de empreendedorismo e converse com experts do mercado. Isso te ajudará a ficar mais confiante e a conhecer melhor os desafios.

Gostou do post? Então compartilhe ele nas suas redes sociais e fique atento às nossas novidades.